quarta-feira, 5 de novembro de 2008

TROCA DE POSIÇÕES NA VIDA... QUANDO O INESPERADO ACONTECE...

A mendicidade e os sem-abrigo sempre foram algo que o motivava a tudo fazer para chamar a atenção para um dos maiores dramas da sociedade dita moderna onde vivia! Como fotógrafo fez inúmeras reportagens sobre mendigos e sem-abrigo, sempre com uma grande decência no tocante à privacidade mesmo daqueles que já tudo perderam...

Mas não estava satisfeito com o seu, digamos, contributo como cidadão para atenuar um dos flagelos que mais mexia com ele! Resolveu então fazer uma grande exposição de fotografia para divulgar não só o seu trabalho mas também as condições dos mendigos e dos sem-abrigo! Para isso contactou com algumas instituições, e conseguiu arranjar um local óptimo para a sua exposição - não iria ganhar nada com isso mas a satisfação de poder mostrar o seu trabalho coerente era uma motivação muito grande!

Inaugurada a exposição, o público não faltou: centenas de pessoas passavam por dia na galeria para observarem o seu trabalho! Estava satisfeito, pensava ele que tinha cumprido uma importante missão! Um dia observou um homem já com alguma idade, muito mal vestido, com o cabelo e a barba grandes... um sem-abrigo típico, que se demorou muito tempo especialmente numa fotografia a preto e branco! Por curiosidade ele tentou chegar à fala com o indivíduo, mas só conseguiu perceber que também ele - apesar do aspecto - gostava muito de fotografia e que tinha tido um sonho há muitos anos fazer uma exposição daquele género... Ele reconheceu o sem-abrigo como um dos sem-abrigo que fotografou...

... A indemnização foi choruda! O sem-abrigo moveu um processo ao fotógrafo por este o ter fotografado de frente e o juiz foi implacável... hoje, o fotógrafo perdeu tudo, teve que ir viver para baixo de uma ponte... e o sem-abrigo comprou um equipamento fotográfico topo de gama com parte da indemnização e já tem agendadas duas exposições de fotografia... não, nenhuma delas é sobre os sem-abrigo... naturezas mortas não reclamam...

2 comentários:

Pekenina disse...

Comecei a ler as histórias do mês de Outubro e só parei agora! Fantástica a tua imaginação! Muitos parabéns!
Beijinho,
P*

Lia disse...

História interessante!:0))Agora ,até aonde vai a tua imaginação!
«agendadas duas exposições de fotografia»:0))))está muito gira;0)
Beijocas*