terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

O GATO QUE GOSTAVA DE ÁGUA!

O Vasco e o João dividiam um apartamento a meias em Lisboa. Andavam a estudar e passavam o dia praticamente todo fora de casa. Regressavam à noite para preparar os comes e bebes para o jantar e muitas das vezes saíam à noite para estudar com colegas ou para se divertirem.

Dividiam a meias também as despesas de água. luz, gás, internet... essas coisas! Ah, e também tinham um gato... que passava o dia todo em casa recostado nos seus cantos favoritos!

Um dia, o Vasco e o João começaram a reparar nas contas exorbitantes de água. Como se houvesse um vazamento num qualquer cano - quando saíam de manhã tomavam nota do número registado no contador da água, quando regressavam à noite constatavam que haviam gasto muitos e muitos litros de água mesmo... sem estarem em casa! Isto repetiu-se durante vários dias, mas eles não descobriram nenhum cano ou torneira a pingar por onde pudesse sair a água!

Mais tarde, um deles ficou doente e teve que ficar em casa. Mal o outro saiu, e ainda ensonado, começou a ouvir despejar repetidamente o autoclismo! Estranhou! Mesmo com febre levantou-se e foi ver o que se passava, não fossem almas do outro mundo terem invadido a casa-de-banho deles! Ficou estupefacto com o que viu: o gato saltara para cima do autoclismo e entretinha-se a carregar no manípulo sempre que o autoclismo estava cheio... estava descoberto o enigma de tanto desperdício de água!

18 comentários:

Sol da meia noite disse...

Era um gato atípico, sem dúvida... e mal formado também, pois não sabia que a água é um bem escasso.
;)

Bichodeconta disse...

Há muitos anos vivia aqui em casa um gato amarelo, o Bernardo, era um gato do telhado daqueles que sobem pelo cortinado, afiam as unhas no sofá, saltam de uma vez para cima do móvel mais alto sem que isso o faça ficar com vertigens..Pior, quando alguém lhe apetecia um banho de emersão era melhor não se descuidar ou teria de partilhar o banho relaxante com o gato que mal apanhava a banheira cheia de espuma, cápsulas de óleo etc atirava-se lá para dentro onde ficava até que o fossem tirar..Era uma graça ver a satisfação com que ele tomava aquele banho, SEMPRE OUVI DIZER QUE GATO TEM MEDO DE ÁGUA.. Esse tinha a mania da limpeza da respectiva sanita..Coisas de gato... História interessante mais uma vez e que ajuda a perceber que as coisas , por mais estranhas, tem sempre uma explicação..Um abraço, ell

Maria, Simplesmente disse...

Há gatos muito inteligentes, caramba!!!!!!!!!!........
Maria

Anónimo disse...

Está visto que tambem te enviaram o video do 'há gato na conta da água'

Carminda Pinho disse...

Um gato que não era ambientalista.:)

Beijos

sofialisboa disse...

que estoria mais engraçada...sofialisboa

Vera disse...

Os gatos são de facto muito inteligentes! Tenho um e por vezes fico de boca aberta...

Beijo

Vera disse...

Os gatos são de facto muito inteligentes! Tenho um e por vezes fico de boca aberta...

Beijo

Bichodeconta disse...

Alexandre não vale arrancar as folhas ao calendário... Eu sei, muitas coisas para fazer..um abraço..Voltarei..

Bichodeconta disse...

é muita maldade..um abraço e vou espreitando...

Filoxera disse...

Tive uma gata que também gostava de água. Quando eu estava a tomar banho, vinha para dentro da banheira. E tinha muitos outros comportamentos que mais pareciam caninos...
Beijos.

Maria, Simplesmente disse...

Sinatra é Sinatra!...
Que romantismo é esse rapaz?...
Maria

Maria, Simplesmente disse...

Então se as histórias são uma por dia... cadê as outras rapaz?...
Hoje o Fundamentalidades tem uma margarida amarela, linda.
É só bom gosto!...
Maria

Elis disse...

Gosto de gatos e de contos. Esta serviu os dois gostos. Li as outras também e ficou o sorriso.

Maria, Simplesmente disse...

Os nómados não param por uma questão se sobrevivência, tu como toda a gente, em parte és um nómado, mas em busca de sensações que te mantenham vivo.
Todos nós precisamos de algo para viver e é essa busca que nos dá "corda".
Quero ver essas histórias continuadas.
Já agora, porque confesso que sou um pouco vaidosa faço-te uma pergunta: Não queres ir até ao "Olhares.com" ver uma pessoa tua conhecida?...
Pergunta por Maria.N.P.Almeida.
É uma amiga minha que entrou lá agora. Dá-me depois a tua opinião. Antes disso lê o que ela escreveu no perfil que lá tem.
Está bem?.
Bj
Maria

Bel disse...

Os gatos são muito inteligentes e surpreendentes.

Eu tive um que quando a arreia estava suja fazia o xixi no ralo da casa de banho.

Tive também uma gata que imitava-nos quando bocejavamos. Se por brincadeira bocejávamos 10 vezes por exemplo, ela imitava-nos sempre.

Tenho uma amiga que tem um gato que quando está á janela e vê pardais a voar por perto imite um som muito idêntico.

Só quem não tem gatos é que fica surpreendido com estas coisa.

Gostei das suas histórias.

Agora pergunto:- Será você um Pato?
visite-me e descubra

Simplesmente Bel

Gatapininha disse...

Olá, a minha Pininha também passou por essa fase de carregar no botão do autoclismo. Tivemos que andar com a porta da casa de banho fechada muito tempo, mas agora já se esqueceu. Ela também gosta de estar dentro da banheira quando tomamos duche. É tipico dos gatos desta raça.
Tudo de bom
Sandra

mariam disse...

dada à "santa preguiça" cirandei por aqui com mais calma...

gostei de lê-lo...

e porque hoje é dia dos oceanos
«Novos mareares longe me esperam
Seguirei...»

pena que as descargas cujo destino final é no oceano, não sejam sempre só de água, ....

boa semana
um sorriso :)