quarta-feira, 6 de agosto de 2008

AVÔ, FAZES 99 ANOS HOJE, LEMBRAS-TE?

AVÔ, fazes hoje 99 anos! MUITOS PARABÉNS! Bonita idade, hein! Ainda ontem te dizia que também espero lá chegar, hehehe! E nessa caminhada, todos os anos pelo 6 de Agosto postar aqui uma fotografia tua. Não sei se o Fundamentalidades vai sobreviver até lá, com certeza que a moda dos blogues vai passar... mas aparecerá outra coisa qualquer para que possamos continuar a contar histórias... sim, histórias! Pois és um exímio contador de histórias, do melhor que já vi e... ouvi!

Ouvir-te é um êxtase: pouso o meu queijo na palma da minha mão e fico embevecido a olhar para ti e a ouvir-te: e não és daqueles velhotes chatos que contam sempre as mesmas histórias: tu tens sempre novas histórias para contar, como se te lembrasses delas na altura com uma clareza como se... elas tivessem acontecido no dia anterior!

Mas não aconteceram, claro: a maior parte delas têm dezenas de anos, afinal 99 anos de idade dá para muita coisa, tens um baú enorme de recordações e tantas gavetas cheias de memórias que eu nem consigo fechá-las... também não as quero fechar... só queria que não tivesses feito uma pausa tão prolongada...

Desde o dia 22 de Novembro de 2001 que não te ouço... mas sinto! Ah, sim, sinto-te todos os dias, sei que estás aí sempre a olhar por mim porque se não estivesses aí sentado, sereno, a minha vida não seria o que é... Sempre que tenho um obstáculo grande para ultrapassar, tu lá estás a compensar-me com uma dádiva ainda maior... Obrigado, velhote do chapéu de palha e do nariz e das orelhas grandes... acho que saí a ti no nariz e nas orelhas, heheh!... Então, até breve, ATÉ SEMPRE!!!

4 comentários:

lia disse...

Fiquei emocionada com o post!
Linda homenagem que fizeste!Tanto que se pode aprender,com os nossos velhotes!
Deixo-te um abraçinho amigo!

Perle disse...

Belas palavras para um avô tão presente. Magnífica homenagem!
Beijinhos
Perle

mulher disse...

Um beijo para ti, e para o teu Avô esteja onde estiver.
Será o teu ANJO da Guarda?
beijinho

Bichodeconta disse...

Pena que a maior parte das pessoas metam os velhotes de lado..Não sabem o que perdem.. são verdadeiras enciclopédias com as quais só temos a aprender..Parabéns ao avo e ao neto por poder partilhar essa vivencia..