domingo, 26 de outubro de 2008

EM DIA DE MUDANÇA DE HORA... UM ENCONTRO DESENCONTRADO!!!

Tinham-se conhecido há pouco tempo e aquele seria o primeiro encontro a sério! Marcaram o local e a hora para o dia seguinte! Nas suas cabeças a incerteza se o outro apareceria ou não, mas no fundo ambos confiavam que sim!

Ela chegou exactamente à hora marcada no local combinado. Podia até ter chegado antes mas achou por bem criar um certo suspense e aparecer mesmo à hora certa! Pensou em «atrasar-se» um pouco mas depois resolveu que isso não seria de bom tom. E então, no ponto de encontro lá estava ela à hora combinada!

Ele não estava! Nada de mais, pensou ela, uns segundos, ou até uns minutinhos de atraso não eram graves... acontecia! O trânsito, as coisas de última hora, talvez o nervosismo do encontro... Mas os minutinhos de atraso transformaram-se em minutos... 10 minutos, um quarto de hora, 20 minutos! Ela começou a ficar impaciente mas pronto, um atraso qualquer um pode ter!

Mas dentro em pouco o atraso já era de meia-hora, os 40 minutos chegaram rápido e os 50, então, num ápice! Aborrecida, ela preparou-se mentalmente para desistir e ir embora... afinal o atraso dele já era muito grande... de certeza que ele se desinteressara e desistira, pensou ela! 55 minutos, 58 minutos, 59 minutos de atraso... ela não esperou mais, foi embora sem olhar para trás!

Entretanto, ao bater os 60 minutos sobre a hora combinada, ele apareceu! Olhou em redor mas não a viu! Pensou que uns segundos ou uns minutinhos de atraso não eram graves... recordou o semblante lindo do rosto dela... só não se lembrou que a hora tinha mudado nesse dia...

7 comentários:

Bichodeconta disse...

Quiçá, essa terá sido a decisão mais acertada da vida dela?Ou talvez não! Mas isso agora que importa.. Parabéns pela história ,uito bem construida.. Essa carola não para !!Beijinho, ell

d.e. disse...

Caro Alex,
Então e a história do frigorífico?
Aproveito para lhe deixar o endereço do blogue de um amigo que também se propunha escrever uma por dia:
www.1-por-dia-blogspot.com
Ao princípio ainda se aguentou, mas agora nem uma por mês. Coisas da idade, penso eu.
Um abraço,

d.e. disse...

Já vi a história. Saiu no próprio sábado, não me tinha dado conta.

De Amor e de Terra disse...

Olá meu menino, boa noite!
Gostei muito destas duas últimas histórias; e falo destas duas, uma vez que ainda não li as outras, mas vou ler, prometo!
Um dia destes venho com mais tempo para lhes dar a atenção que merecem.
Um beijo enorme e votos de um resto de Domingo de Paz.

Maria Mamede

mariam disse...

Alex,
pois pois, olhe, eu nos primeiros dias, fico neura com a mudança da hora...

e esta 2ª estória, fez-me fazer um sorrisinho... já vi isto em qualquer lado... mas ainda houve remédio... ela conhecia-lhe o carro e correu atrás! rsrs

boa semana
um grande sorriso :)

mariam

Lia disse...

Com a mudança da hora, pode acontecer mas,será que não havia um telefone para saber o motivo do atraso!(Cá eu tinha ligado!)Gostei muito!Continua;0)Beijo

SimplesmenteAna disse...

A mudança da hora pode ter este efeito... :p
Maldito relógio que não anda no tempo que queremos e precisamos.

;-)