quarta-feira, 1 de outubro de 2008

TIRAR FOTOGRAFIAS AO ALHEIO PODE SER ARRISCADO...

Ele estava animadíssimo a tirar fotografias a uma miúda que se passeava pela beira da água! é claro que fotografava com a lente de longo alcance, pois era um tipo de fotografia que não convinha ser feita em cima da fotografada. Por vários motivos... As pessoas não gostam de ser fotografadas por desconhecidos e muito menos nas circunstâncias de estar com pouca roupa... quer dizer, pouquíssima roupa!

Já tinha olhado em redor, parecia-lhe que a miúda estava sozinha, não notou sombra de namorado ou de amigos dela - aliás, a praia estava quase deserta de pessoas, o Verão tinha acabado e embora o Outono ainda estivesse convidativo pouca gente ainda estava de férias!

Foi então que ele sentiu uma mão pesada e demorada no ombro. Virou-se para trás lentamente mas teve que olhar para cima pois a pessoa que lhe pousou a mão no ombro era alguém bem mais alto e corpulento que ele. E soou uma voz de trovão: - «Aquela miúda é a minha namorada!»

Ele encolheu-se! Estava feito! Fotografar a namorada de outro devia dar direito a um ... tareão, no mínimo! Ele começou a balbuciar qualquer coisa mas as hipóteses de argumentar eram nulas... -«Eu estava só a fotografar as gaivotas...»

- «Deixe-me ver as fotos» - e o indivíduo arrancou-lhe a máquina das mãos. Era agora que ele ia levar... nem reagiu! E o indivíduo corpulento começou a ver demoradamente as fotos que ele tirara da namorada dele... Quando fechou os olhos e se mentalizou para o murro que ia levar nos queixos que o faria voar 3 metros e aterrar de cabeça na areia, o indivíduo virou-se para ele e disse:

- «Olhe, eu quero aqui umas quantas fotos... você é bom a fotografar... tem aí uma caneta para eu lhe deixar o meu e-mail para mas enviar?»

4 comentários:

sofialisboa disse...

a musica é linda. quanto á historia só te vi a ti, acredito pois no meu trabalho tive que ir fazer uma reportagem fotográfica e vi como é dificl filmar ou fotografa alguém. bjs sofia

Lia disse...

:0))))))Pois é...não me admiro nada,acontecer-te a ti ,um destes dias!:0))))))Está muito gira sim senhor!;0)Beijocas

Filoxera disse...

Um volte-face muito agradável.
Gira, esta história.
Beijos.

Anónimo disse...

Há grandes sortudos!